Lesões comuns no joelho nas atividades diárias

lesões comuns no joelho

Com as atividades do dia a dia, podemos sofrer pequenos traumas ou entorses (torções), que provocam contusões e dor em determinadas estruturas ao redor do joelho. Veja as mais comuns:

Lesões mais comuns no joelho traumáticas

Nosso joelho é composto de muitas estruturas importantes, qualquer uma das quais pode ser ferida. As lesões traumáticas mais comuns do joelho incluem fraturas ao redor do joelho, luxação e entorses e ruptura de tecidos moles, como ligamentos. Em muitos casos, as lesões envolvem mais de uma estrutura no joelho.

Dor e inchaço são os sinais mais comuns de lesão no joelho. Além disso, o joelho pode travar ou se bloquear e, assim, o paciente não consegue mover o joelho. Muitas lesões no joelho causam instabilidade — a sensação de que o joelho está falseando.

Fraturas

O osso mais comum quebrado ao redor do joelho é a patela. Porém, as extremidades do fêmur e da tíbia, onde se encontram para formar a articulação do joelho, também podem ser fraturadas. Muitas fraturas do joelho são causadas por traumas de alta energia, como quedas de alturas significativas e colisões de veículos motorizados.

Luxação

Uma luxação ocorre quando os ossos do joelho estão fora do lugar — total ou parcialmente. Por exemplo, o fêmur e a tíbia podem ser forçados a sair do alinhamento e a patela também pode sair do lugar. As luxações podem ser causadas por uma anormalidade na estrutura do joelho de uma pessoa. Em pessoas que têm estrutura normal do joelho, as luxações são mais frequentemente causadas por traumas de alta energia, como quedas, acidentes com veículos motorizados e contato relacionado a esportes.

Traumatismos do Ligamento Cruzado Anterior (LCA)

Ruptura de LCA: O ligamento cruzado anterior é frequentemente lesado durante atividades esportivas. Atletas que participam de esportes de alta demanda como futebol e basquete são mais propensos a ferir seus ligamentos cruzados anteriores. Mudar de direção rapidamente ou aterrissar de um salto incorretamente pode romper o LCA. Cerca de metade de todas as lesões do LCA ocorre juntamente com danos a outras estruturas do joelho, como cartilagem articular, menisco ou outros ligamentos.

Traumatismos do Ligamento Cruzado Posterior (LCP)

Ruptura de LCP: O Ligamento Cruzado Posterior é frequentemente lesionado por um golpe na frente do joelho, enquanto o joelho está dobrado. Isso geralmente ocorre em colisões de veículos e contatos relacionados a esportes. As rupturas do LCP tendem a ser rupturas parciais com o potencial de cicatrizar por conta própria.

Lesões do ligamento colateral

Ruptura do ligamento colateral: Lesões nos Ligamentos Colaterais são geralmente causadas por uma força que empurra o joelho para o lado. As lesões no MCL geralmente são causadas por um golpe direto na parte externa do joelho e geralmente são relacionadas a esportes. Golpes no interior do joelho, que empurram o joelho para fora, podem ferir o ligamento colateral lateral. Rupturas do ligamento colateral lateral ocorrem com menor frequência que outras lesões no joelho.

Lesões Meniscais

Ruptura do menisco: Lesões meniscais repentinas geralmente acontecem durante esportes e podem ocorrer ao torcer, cortar, girar ou ser empurrado. Em outro cenário, as lesões meniscais também podem ocorrer como resultado de artrite ou envelhecimento – lesões degenerativas. Apenas uma torção de mal jeito ao se levantar de uma cadeira pode ser o suficiente para causar uma ruptura em meniscos que se enfraquecerem com a idade.

Ruptura do tendão

Ruptura do tendão patelar: Os tendões quadríceps e patelar podem ser esticados e rasgados. Embora qualquer um possa ferir esses tendões, as rupturas são mais comuns entre pessoas de meia-idade que praticam esportes de corrida ou pulando. Quedas, força direta na frente do joelho e aterrissagem desajeitada de um salto são causas comuns de lesões no tendão do joelho.

Tratamento de Lesões no Joelho

Quando você se machuca pela primeira vez, o método RICE — descanso, gelo, compressão suave e elevação — pode ajudar a acelerar sua recuperação.

Certifique-se de procurar tratamento o mais rápido possível, especialmente se você:

  • Ouvir um estalo e sentir o seu joelho ceder no momento da lesão
  • Sentir dor severa
  • Não poder mover o joelho
  • Começar a mancar
  • Ter inchaço no local da lesão

O tipo de tratamento recomendado por seu médico dependerá de vários fatores, como a gravidade de sua lesão, sua idade, estado geral de saúde e nível de atividade.

Referências:

  1. KNEE PAIN AND DISABILITY IN THE COMMUNITY
  2. Instrumento para rastreamento de dor no joelho (KNEST) em nível primário de saúde: tradução, adaptação cultural e resultados de sua aplicação em idosos residentes de uma área urbana do Brasil

MUITO BOM! VOCÊ LEU TODO O CONTEÚDO. Ficou alguma dúvida? Deixe uma pergunta nos comentários abaixo, que será respondida.

Compartilhe essa informação!
Joelho-Brasília
Joelho-Brasília

Dr. Márcio R. B. Silveira, criou a Clínica Salus Ortopedia e Fisioterapia em Brasília-DF, para atuar principalmente no tratamento de lesões de cartilagem, buscando sua reparação e transplante; lesões de menisco com sutura em crianças e reparo; rupturas ligamentares articulares e sua reconstrução biológica e prevenção; tratamento da artrose, com medidas medicamentosas e artroplastias; tendinites e rompimento de tendões provocadas tanto por atividades esportivas, como por alterações degenerativas; fraturas em idosos que apresentam ossos mais frágeis; e enfoque na reabilitação muscular e postural, através de protocolo exclusivo baseado na análise cinemática da marcha.

No Comments

Escreva uma Mensagem ou Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *